Quais são os tipos de e-mail marketing que você pode fazer (depois da verificação de e-mail)

email marketing types tipos

This content is also available in: English Español

Quais são os tipos de e-mail marketing que você pode fazer (depois da verificação de e-mail)?

E-mail marketing não são apenas os e-mails de vendas. Afinal de contas, se tudo o que fizermos por e-mail for implorar aos destinatários que comprem alguma coisa, perdemos relevância e os resultados só irão cair e cair. Então, que outros e-mails podem ser adotados para as suas estratégias de e-mail marketing?

O e-mail, apesar de ter completado cinquenta anos em 2021, continua muito atual e muito versátil. Ninguém pode discordar disso. E o seu uso como ferramenta de marketing também continua muito popular, pois ele oferece muitas vantagens. Entretanto, pensar e planejar campanhas de e-mail marketing pode ser muito desafiador.

A competição por espaço e atenção nas caixas de e-mail vem aumentando e artifícios como a criatividade e as estratégias data-driven são mais fundamentais do que nunca.

Por essa razão devemos lançar mão das diversas possibilidades que o e-mail marketing nos oferece, em diversas frentes de abordagem.

Vamos elencar alguns tipos de e-mails que você pode incluir nas suas estratégias de relacionamento por e-mail. Vamos sintetizar esses e-mails em quatro categorias principais: e-mails promocionais, transacionais, de venda e de conteúdo. Além desses, vamos falar rapidamente sobre os e-mails de prospecção.

Você verá neste artigo da SafetyMails:

Você pode assistir a este conteúdo em vídeo no Canal da SafetyMails – verificação de e-mail – no Youtube


A SafetyMails é uma das principais plataformas para verificação de e-mail. Considere utilizar a SafetyMails para verificação de e-mail do seu negócio.

E-mails promocionais

Ao contrário do que se possa imaginar quando falamos de e-mails promocionais, não se tratam somente de e-mails de promoção de vendas, ou seja, envio de descontos, programas de fidelidade, etc.

Na categoria dos e-mails promocionais estão incluídos todos aqueles e-mails cujo objetivo é promover alguma coisa.

Então, por exemplo, se o seu e-mail busca reativar leads inativos, o seu e-mail quer promover a reativação desses leads. Se ele convida para um webinar, está promovendo o engajamento da base de contatos com esse conteúdo.

Quando o Linkedin envia um e-mail, dizendo que um determinado número de pessoas viram o seu perfil, muitas pessoas se enganam, pensando que se trata de um e-mail de vendas do Linkedin Premium. Mas isso não é verdade. O fato é que esse e-mail é promocional e está buscando manter os níveis de audiência e engajamento da plataforma. A venda existe sim, mas é em um segundo momento, ou seja, é um objetivo secundário daquele e-mail.

Linkedin Email

Email do Linkedin

E-mails de recuperação de carrinho também podem ser considerados promocionais, na medida em que buscam reativar um processo de compra.

Os clássicos e-mails de cupom de desconto, early bird, ofertas especiais de algum tipo de sazonalidade, todos esses também estão inseridos como e-mails promocionais.

E-mails transacionais

Todo e qualquer e-mail que seja enviado no sentido de informar e confirmar algum tipo de transação realizada, como criação de uma conta, recuperação de senha, confirmação de compra ou inscrição, atualização de status do frete de um produto, avisos de encerramento, entre outros, são considerados e-mails transacionais.

Do ponto de vista de alguns especialistas em e-mail marketing, este tipo de mensagem não deveria ser considerada e-mail marketing. Entretanto, como é um e-mail cujo objetivo principal quase sempre é o de estreitar o relacionamento com o cliente ou assinante e promover uma melhor experiência, vemos que, sim, trata-se de um tipo de e-mail cujas características de marketing se fazem presentes.

Além disso, o design desses e-mails, a disposição dos elementos, também é um fator clássico de e-mail marketing.

O e-mail transacional é um forte aliado de todo o ciclo de e-mail marketing, pois por se tratarem de e-mails enviados just-in-time na maior parte dos casos e por terem as mais altas taxas de abertura de todo o e-mail marketing, colaboram bastante para a melhoria da reputação, branding, engajamento e deliverability.

Boas-vindas

Os e-mails de boas-vindas possuem altíssimas taxas de abertura, pois se tratam se e-mails enviados no momento em que o usuário faz a criação de uma conta ou assina um serviço de informação. Então, ele se mantém com uma alta expectativa pelo recebimento desse e-mail.

welcome

E-mail de boas-vindas

Em termos de relacionamento, você pode aproveitar para enviar mais do que informações de login e senha, mas também outras informações para o onboarding desse novo usuário, como links para manuais, vídeos tutoriais, entre outros.

Confirmação de compra

Aqui temos o santo graal do e-mail marketing. Afinal, você estará enviando um e-mail para alguém que, além de se cadastrar, acaba de realizar uma compra. Pode não ser a primeira compra, mas toda compra deve ser celebrada.

Para que o cliente se sinta seguro e bem informado, é preciso que o seu e-mail de confirmação de compra seja claro e transparente. Envie o máximo de informações possíveis para o seu cliente, como produtos ou serviços adquiridos, seus valores, forma de pagamento selecionada e data prevista de entrega.

Payment

Confirmação de pagamento

Em muitos casos, também é interessante enviar junto ao e-mail maiores informações, como links para os manuais de usuário, links para download de notas fiscais, vídeos de instruções e cuidados com o produto, etc.

Atualização de frete

Após a confirmação de compra de um produto, os clientes ficam ansiosos por poder receber e desfrutar de suas compras. Por isso, o período de frete pode ser bastante estressante, principalmente se o produto precisar passar por algum tipo de manufatura antes do envio.

Uma forma de reduzir essa sensação é manter o cliente informado sobre cada pequeno passo do processo de frete, desde a eventual produção, separação do produto no estoque, embalagem, envio, etapas do processo de entrega e confirmação da entrega.

Um outro e-mail interessante é aquele enviado no pós-entrega. Passados alguns dias da confirmação de entrega do produto, cabe o envio de um e-mail solicitando as considerações do cliente com relação ao produto e a solicitação de um testemunho no site.

Outras transações

Aproveite quaisquer oportunidades de relacionamento com o seu cliente. Alterações de cadastro, preferências e mesmo em situação de desligamento, como o descadastro ou cancelamento de compras, devem ser confirmados, a fim de não permitir desentendimentos e manter o bom relacionamento.

E-mails de venda

A maior parte dos profissionais irá concordar que ao falarmos em e-mail marketing, a primeira imagem é a de um e-mail de vendas.

Sim, o e-mail de vendas é um clássico nas estratégias de marketing digital, mas isso não signfica que ele também não possa cumprir outros papéis importantes.

Por exemplo, o e-mail de vendas que funciona como uma estante de opções, uma gôndola de supermercado, tende a converter apenas os produtos de menor valor agregado, visto que, como consumidores, não estamos programados para saber lidar com opções. Dessa forma, acabamos por optar por aquilo que é mais fácil, e essa decisão normalmente fica por conta do preço.

É preciso utilizar o e-mail de vendas com estratégia. Dar destaque a um produto principal para a venda e, em seguida, para outros produtos com menor destaque, ajuda a guiar o comportamento de compra do destinatário.

É como o “especial do dia” oferecido em restaurantes. Embora todo o cardápio esteja disponível para consumo, existe uma sugestão de consumo para facilitar o processo de decisão compra.

Outro aspecto importante que deve ser levado em consideração é a venda consultiva. Se junto ao conteúdo de vendas dos seus e-mails também forem entregues conteúdos mais informativos e educacionais a respeito daquilo que é oferecido, aumentam as chances de uma compra com maior ticket de venda.

E atenção: não abuse da frequência de e-mails de venda. Se os seus e-mails não fizerem parte de um universo maior e mais completo de comunicados, eles perderão relevância e, com isso, vendas e reputação. Use sempre o bom senso.

Cuidado também com ofertas repetidas. Por exemplo, se um consumidor compra, digamos, um refrigerador. Vamos considerar que ele não comprará outro refrigerador dentro de um bom tempo. Então, refazer esta oferta não agregará em nada a experiência do consumidor final. Mas, investir em produtos complementares pode, sim, ser uma boa estratégia. Afinal, alguém que compre uma geladeira pode estar apenas substituindo um equipamento velho ou defeituoso, mas também pode estar renovando a cozinha, o que abre muitas possibilidades de vendas.

E-mails de conteúdo

As newsletters são seleções de conteúdos originais ou uma curadoria de conteúdo que é enviada por e-mail periodicamente.

Dentre os objetivos das newsletters estão o relacionamento, o engajamento, e a educação da base de e-mails.

A newsletter está vivendo um momento de retomada no mercado. As razões incluem o benefício de saber exatamente com quem você está falando e quem você está atingindo com a ação (ao contrário de redes sociais) e também a quantidade de métricas disponíveis, que ajudam a acompanhar o desempenho em tempo real das ações.

Para você ver quão importantes são as newsletters para negócios em todo o mduno, a Substack, plataforma de newsletter, recebeu um investimento de quinze milhões de dólares. A newsletter Morning Brew foi avaliada em setenta e cinco milhões de dólares. A Forbes lançou sua própria plataforma de newsletters e o Facebook criará a sua própria plataforma de newsletters.

O importante para manter os bons resultados com newsletters tem uma forte relação com 3 fatores:

  1.  Relevância: o conteúdo das suas newsletters precisa ser relevante para quem receberá os seus e-mails. Caso contrário, as taxas de abertura serão cada vez menores. Tenha carinho com o seu público.
  2. Frequência: como em tudo, bom senso é fundamental. Se você realmente possui conteúdo para uma newsletter diária, que assim seja, desde que o seu público esteja ciente dessa frequência de envio. Por outro lado, evite o envio de newsletters com um grande hiato entre as publicações. Isso pode fazer com o que a sua lista perca o interesse por seu conteúdo.
  3. Objetivo: o conteúdo das suas newsletters deve atender a um propósito, que é o de informar com conteúdo relevante. Ela também deve atender aos propósitos do negócio, educando a base e colaborando para o avanço dos assinantes nas diferentes etapas dos funis de conteúdo e vendas.

Artigos de educação e relacionamento da base

Aqui a abordagem é mais direta com o negócio. Enviar e-mails com conteúdos voltados à educação da sua base de contatos em diferentes etapas do funil de vendas colabora com o avanço dos leads nesse processo e incentiva conversões.

Por exemplo, o envio de e-mails periódicos a clientes demonstrando novas funcionalidades de um sistema, orientando sobre o uso de softwares e aplicativos que deem ganho de produtividade, entre outros, ajuda a reduzir a demanda por atendimento das equipes de suporte e ajuda a promover a blindagem de sua base de clientes contra o assédio de concorrentes.

Com relação a consumidores de produtos, o envio de conteúdos que demonstrem os benefícios do uso ou consumo de versões melhores desses mesmos produtos ajuda a aumentar o ticket médio das vendas. Isso serve para quaisquer produtos, desde vinhos, materiais esportivos em geral, até pneus.

educational

Educação da base de contatos

Para aqueles que não são clientes do seu negócio, os e-mails de conteúdo ajudam a aprimorar o conhecimento desses assinantes e, através do sentimento de autoridade, pode incentivá-los a, finalmente, comprar ou assinar o seu produto ou serviço.

E-mails de prospecção

Finalmente falamos de uma categoria de e-mails muito particular: os e-mails de prospecção.

Normalmente esse tipo de e-mail é enviado para destinatários que são responsáveis ou influenciadores da contratação de serviços ou compra de produtos para empresas ou outros profissionais especializados.

Aqui, vale mais o copywriting do e-mail do que o seu layout, visto que, em sua maioria, são e-mails cuja aparência é a mesma de uma mensagem enviada através do seu programa de e-mail.

O objetivo aqui é ganhar a atenção do destinatário para o acesso ao seu website ou o agendamento de uma reunião online de demonstração.

Isso é feito com uma estratégia de redação que leva em consideração o conceito de “resolução de dores” que um negócio enfrenta em determinada área. O texto busca obter a atenção do destinatário com uma abordagem direta e, eventualmente, com um convite também direto.

Como não funcionam sozinhos, esses e-mails são divididos em cerca de 4 ou 5 tentativas de contato, levando em consideração alguns passos como primeira abordagem (onde o remetente busca se apresentar, apresentar o negócio e a solução que tem a oferecer), follow up (onde o objetivo é buscar a confirmação da atenção buscada no primeiro e-mail), e-mails de autoridade (onde o remetente busca apresentar seus clientes notórios e força de mercado), e finalização (onde o remetente reconhece que talvez não tenha sido o melhor momento para a abordagem e buscará recomeçar o contato em um outro momento).

Estes foram alguns dos e-mails que você pode utilizar em e-mail marketing. Lembre-se que a autorização para envio é fundamental e, acima de tudo, você deve respeitar as preferências do destinatário em todos os momentos do seu relacionamento. Viu como e-mail marketing é muito mais do que somente enviar e-mails de vendas? Esperamos que esse conteúdo ajude você a abrir a sua mente para novas ideias de comunicação por e-mail.

E você? Utiliza outros tipos de e-mails no seu dia-a-dia?

 

Precisa fazer a verificação de e-mail do seu negócio? A SafetyMails pode ajudar!

A SafetyMails é uma das principais plataformas para verificação de e-mail. Considere utilizar a SafetyMails para verificação de e-mail do seu negócio.

Crie agora mesmo uma conta e receba 100 créditos grátis para testar. Além disso, faça um teste da API para verificação de e-mail em tempo real e ganhe mais 1.000 créditos para testar esta funcionalidade.

 

Share this post